Área do Cliente

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Confira a programação da Rádio Justiça para esta segunda-feira (22)

O programa vai falar sobre adoção por casais homossexuais, no quadro Direito Civil, com a participação de Viviane Girardi, mestre em Direito das Relações Sociais e doutoranda em Direito da Família. No quadro Dicas do Autor, o professor de Direito Processual Penal da Universidade Federal do Rio de Janeiro Antônio Santoro vai contar sobre o livro "Impeachment de 2016: uma estratégia de lawfare político instrumental", lançado por ele recentemente. Para concluir, Renato Marcão, jurista e membro do Ministério Público do Estado de São Paulo, continua dando aulas no Curso de Processo Penal na Rádio Justiça. A aula de segunda-feira será sobre fatos e atos processuais. Segunda-feira, às 8h. Você já notou que está cada vez mais recorrente o fato de estabelecimentos proibirem a entrada de crianças? Será que a restrição a esse público em locais como bares e restaurantes é legal? Os estabelecimentos têm o direito de escolher a quem vão servir ou isso pode acabar se configurando como um preconceito? Para comentar o assunto, o programa conta com a participação de Vitor Guglinski, especialista em Direito do Consumidor e membro do Instituto Brasileiro de Política e Direito do Consumidor. Segunda-feira, às 13h30. O programa fala sobre violência policial. Em recente relatório da organização Human Rights Watch, a prática “segue sem freios no Brasil”. Para o estudo, as mortes cometidas por policiais brasileiros e a violência doméstica generalizada seguem como problemas crônicos no país. O Justiça na Tarde conta com a participação de especialistas na área e da própria organização para debater o assunto. Segunda-feira, às 14h10. Em decisão recente, a presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministra Laurita Vaz, concedeu a liberdade a uma mulher que não pode pagar fiança. A liberdade provisória foi deferida pela Justiça estadual em Goiás à mulher acusada por furto em supermercado, mas o juízo competente estabeleceu a fiança em dez salários mínimos. A mulher recebia mensalmente pouco mais de um salário mínimo, não tendo condições de pagar a fiança. Especialistas comentam o assunto no programa. Segunda-feira, às 17h. Hector é um funcionário exemplar da empresa de Ronaldo, mas ninguém sabe ao certo o que ele faz ou o que produz. Hector nunca faltou ao serviço, nem chegou atrasado uma só vez. E, para completar, está noivo da filha do chefe. Ouça a radionovela em persos horários e versão compacta aos sábados e domingos, às 20h30. A Rádio Justiça é sintonizada em 104,7 FM no Distrito Federal e pode ser ouvida pelo site www.radiojustica.jus.br. Siga a Rádio Justiça pelo Twitter no endereço http://twitter.com/radiojustica.
21/01/2018 (00:00)
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia